Facebook
08/04/2019 - 18h11m

TURISMO

Gestores buscam apoio junto a Adetuc para divulgação dos atrativos da região das Serras Gerais

Seleucia Fontes / Foto: Emerson Silva

Lagoas, cânions, cachoeiras e mirantes, riqueza histórica e cultural, gastronomia singular. Assim é a região sudeste do Tocantins, conhecida como Serras Gerais, um dos roteiros turísticos do Estado, mas ainda pouco difundido. Visando ampliar a atração de visitantes, o secretário de Cultura e Turismo de Natividade, Orlando Póvoa Ribeiro Neto, a professora do curso de Turismo da UFT de Arraias e colaboradora do Museu Histórico e Cultural de Arraias, Valdirene Gomes dos Santos de Jesus, a secretária de Turismo de Rio da Conceição, Esther Carvalho, e a empresária do setor de turismo e integrante do Conselho Municial de Turismo na mesma cidade, Fernanda Tainã Castro estiveram reunidos nesta segunda, 8, com o presidente da Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), Tom Lyra.

Os visitantes lembraram que o desenvolvimento do turismo na região pode ser uma importante fonte de geração de renda, evitando a evasão destas cidades, que oferecem poucas oportunidade de trabalho. “Os jovens estão indo embora de Rio da Conceição”, pontuou Esther, enquanto Fernanda lembrou que, na região há uma crescente demanda no setor, mas grande informalidade. “Precisamos gerar economia em torno do turismo”, defendeu.

Tom Lyra enfatizou o interesse da Agência em fomentar o turismo na região, e informou que, além do Jalapão e do Cantão, as Serras Gerais serão inseridas na parceria com a empresa aérea TPA para o programa Brasil Stopover, que visa  estimular os turistas europeus a conhecerem atrativos turísticos do Tocantins.

Também ficou agendada para o próximo dia 24 de abril nova reunião para organizar evento em Palmas, no Memorial Coluna Prestes, voltado a formadores de opinião e agências de viagens visando a apresentação dos atrativos da região. O evento deverá contar ainda com apresentações artísticas e degustação de pratos típicos.

Serras Gerais

Localizada entre os municípios de Aurora do Tocantins e Taguatinga (sudeste do Estado), as Serras Gerais do Tocantins fazem parte da maior cadeia de serras do Brasil e, além das maravilhas naturais, guardam tradições, arquitetura colonial, história e cultura como as Cavalhadas, as festas do Senhor do Bonfim e do Divino Espírito Santo, entre outras festas folclóricas e religiosas herdadas do colonialismo.

Em toda a região, o ecoturismo é propiciado por uma profusão de rios, canyons, cachoeiras e cavernas como em Dianópolis, município que também guarda tradições ancestrais dos povos quilombolas. Outro município da região é Peixe, que de maio a outubro oferece praias de água doce à margem do rio Tocantins. Também se destaca o rio Azuis, considerado o menor rio do Tocantins e o terceiro menor do mundo, com apenas 147 metros de comprimento, localizado no povoado de mesmo nome, no município de Aurora do Tocantins.

Trakking, snorkel, rafting, trilha, canoagem, banhos de cachoeira, contemplação da natureza e muitas outras atividades podem ser praticadas em toda a região das Serras Gerais. 

Deixe seu comentário:

IPTU 2019kero+